A IIoT (Internet Industrial das coisas) é a próxima revolução no sector industrial. Uma revolução que já está aqui e que atinge não apenas a economia de energia, mas torna todos os processos em acções muito mais eficientes, transparentes e fáceis de usar. A SIEMENS trabalha nessa direcção e agora apresenta o SIMATIC IOT2040, o gateway inteligente para soluções industriais de IoT (Internet das Coisas).

Esta solução une os produtos que a SIEMENS desenvolveu para alcançar um mundo mais conectado, sustentável e inteligente. O novo gateway para a Industrial Internet of Things é baseado na tecnologia de processador Intel Quack e se tornará uma nova plataforma especialmente projectada para uma ampla variedade de aplicativos de gateway.

Além disso, este novo SIMATIC IOT2040 Gateway faz a diferença em relação aos outros graças à sua capacidade de amplificação, da sua programação livre em linguagens de alto nível, bem como a disponibilidade de uma ampla gama de pacotes no ambiente Linux.

Entre os aspectos mais notáveis, podemos destacar sua máxima funcionalidade industrial, uma vez que possui Intel Quack (x1020), inclui recursos de segurança e determinismo x86. Tem um relógio em tempo real (RTC) apoiado por uma bateria para sempre oferecer o tempo. Tem uma memória DDRB com 1GB de RAM, potência de banda larga integrada e é desenvolvido e testado para operação 24/7.

Esse gateway também oferece alta conectividade e o mais alto grau de variabilidade na criação de aplicativos: o Yocto Linux permite a criação de ambientes de sistemas operacionais austeros e de alto desempenho. Permite o uso de arquivos BSP fornecidos pela Intel. O usuário pode adicionar os componentes necessários para o aplicativo específico. Ele tem vários drivers, protocolos e exemplos de aplicativos disponíveis e permite usar vários compiladores de linguagens de alto nível e ambientes de desenvolvimento.

Isso faz com que seja uma solução ideal para a recolha, pré-processamento, envio de dados para unidades de nível superior, por exemplo, para uma nuvem ou para tarefas de computador com baixos requisitos em termos de desempenho.